Notícias Sarandi

Verba de imprensa: gestão Volpato deve cortar mídia de Sarandi

A tão esperada verba de publicidade da Prefeitura de Sarandi começou a ser derramada na mídia maringaense. Seguindo exemplo do ex-prefeito Carlos de Paula Júnior (PP), a gestão Walter Volpato (PSDB) decidiu privilegiar gente de fora.

No total, a licitação de imprensa tem valor RS 1 milhão. A agência responsável por gerenciar a verba é a Única, a mesma da gestão anterior, e que chegou a ser processada por atitudes violar princípios básicos da comunicação (leia aqui).

Por mais de uma vez, o prefeito Walter Volpato, que tem forte rejeição popular, chegou a culpar a falta de verba de imprensa pelas críticas que recebe.

Sites e TVs de Maringá já veiculam a primeira campanha da prefeitura, que trata do saneamento básico. Mas, para Sarandi, as informações não são das melhores, visto que a imprensa local também contava com o apoio do município.

Exporandi

Nos bastidores, fala-se que Cláudio Massago é quem está tratando direto da distribuição da verba. Um valor de R$ 300 mil teria sido reservado para tratar da Exporandi. Massago foi acusado de machismo pelo Sismus ao dizer que só conversa com homens (entenda aqui).

Para veículos sarandienses, os valores oferecidos e comentados, ainda nos bastidores, são irrisórios. Páginas de Facebook foram cortadas pela gestão Volpato. Ao sarandipr.com, a Única chegou a fazer proposta, mas disse que não veicularia nada no Portal.