Notícias Sarandi

4 meses: Desvio de hidrômetros segue sem resposta

Quatro meses se passaram, e a população ainda não recebeu respostas sobre o desvio de hidrômetros na Autarquia Águas de Sarandi. O caso se tornou público em 9 de outubro de 2017, e segue sob investigação policial.

Na época, a Guarda Municipal recuperou parte dos equipamentos num depósito de materiais de construção, em Marialva. Tio e sobrinho foram presos, mas, postos em liberdade após pagamento de R$ 30 mil em fiança, segundo Angelo Rigon.

Desde então, o caso segue com a Polícia Civil, que mantém a investigação sob sigilo. A reportagem buscou informações junto à delegacia de Sarandi, pessoalmente e por telefone, mas sem sucesso.

Prefeitura

Já a Prefeitura de Sarandi, informou apenas que o processo segue concluso para despacho na Justiça de Marialva e sob segredo de Justiça, em Sarandi. “Ou seja, não há acesso aos documentos processuais”.

Águas de Sarandi, principal autarquia municipal, fazia controle de estoque manual. Foto: Angelo Miloch / sarandipr.com.