Estupro: preso em Ponta Grossa confessa crime em Sarandi

publicidade - anuncie neste espaço

Estupro: preso em Ponta Grossa confessa crime em Sarandi

A Polícia Civil de Sarandi libertou Luiz da Silva Lemos, 41 anos, preso sob suspeita da morte de Isabel dos Santos, 51 anos. O assassinato ocorreu em 9 de outubro.

Informa o repórter André Almenara que os advogados de Lemos solicitaram a liberdade do cliente após outro suspeito confessar o crime, em Ponta Grossa (leia mais).

A juíza da 2ª Vara Criminal de Sarandi acatou o pedido, e Lemos foi solto na tarde desta quarta-feira (1). Ele havia sido preso em Osasco (SP) dias após o crime.

Crime

Isabel foi encontrada morta na casa onde morava, na Rua Carlos Gomes, no Jardim Ouro Verde, num sábado, dia 9. Ela tinha sinais de estrangulamento e violência sexual.

Francisco Wellington Pereira da Silva, 28 anos, estava preso em Ponta Grossa, e também era suspeito. Ouvido por investigadores de Sarandi, ele confessou e detalhou o crime (leia aqui).

A Polícia Civil libertou Luiz da Silva Lemos, 41 anos, preso sob suspeita da morte de Isabel dos Santos, 51 anos. Outro suspeito confessou o crime.

Assassino disse ter relacionamento com a vítima por dois anos. Foto: André Almenara.

Gostou deste artigo? Compartilhe com seus amigos! Curta as redes sociais do SarandiPR.com.

Assine ao newsletter do SarandiPR.com e receba notícias, ofertas e novidades em primeira mão. É grátis.

Os comentários não representam a opinião do SarandiPR.com, mas, sim, de seus autores. Os comentários serão moderados para que, assim, nenhum conteúdo de cunho ofensivo, racista ou preconceituoso seja publicado nesta plataforma. No mais, toda opinião é sempre bem vinda.

Comentários

Cite o SarandiPR.com ao reproduzir conteúdos do site.

WordPress / CC 4.0 - Faça uma doação.