Esporte Notícias Sarandi

Prefeitura se apoia na lei e nega ônibus ao handebol de Sarandi

A Prefeitura de Sarandi buscou apoio em lei municipal para negar ônibus da Assistência Social aos times de handebol do município. Os atletas aguardam transporte para disputar a Maringá Cup, em Ourizona, neste domingo (26).

A informação é da secretária de Assistência Social, Jocimara Belloso, e foi divulgada pela assessoria de imprensa da prefeitura após o SarandiPR.com publicar a falta de transportes (leia mais).

“A Secretária de Assistência Social, Jocimara Belloso, informou que existe uma Lei Municipal regulamentada apenas para a condução dos estudantes ás Universidades e Cursos Técnicos em Maringá”, informou nota da assessoria.

“Sendo assim, não é possível transportar atletas para viagens. Em relação ao ônibus, que está sem freio, não existe previsão para o reparo, mas medidas estão sendo discutidas para resolver a situação”.

O handebol de Sarandi, que no ano passado levou o nome do município ao Nordeste, enfrenta desafio fora das quadras para poder jogar: a falta de transporte. Ônibus da Secretaria da Educação que era fornecido ao projeto foi cortado.

Sob coordenação do professor Edmilson Santos, equipes masculinas e femininas sub 12 e 14 precisam chegar ao Ginásio de Esportes Mariano Calvo, em Ourizona, para competir. Ainda não há transporte reservado. A saída é prevista para este domingo, às 9 hroas.