Notícias Sarandi

Coletor “negro safado” denuncia racismo, no Conjunto Mauá

Um funcionário da coleta de lixo de Sarandi registrou BO (boletim de ocorrência) contra uma moradora do Conjunto Mauá, em Sarandi, após ser vítima de racismo. Chamado de “negro safado”, ele vai levar o caso ao MP (Ministério Público).

De acordo com A.A., o crime de racismo aconteceu na tarde do último dia 26 de agosto, na Rua A do Conjunto Mauá. Após discussão, o coletor sugeriu à moradora que comprasse um caminhão e fizesse a coleta. Foi quando começaram os insultos:

Ela foi até o caminhão e começou a me ofender com palavrões e palavras de baixo calão. E, em seguida, ela me chamou de negro safado, entre outros, todos intendidos de forma ofensiva racista e preconceituoso –, disse A., ao SarandiPR.com.

A. confirmou ter discutido com a moradora, mas que “em momento algum” a ofendeu. Após fazer o BO, ele publicou o caso no Facebook. O coletor também levará o caso ao MP. Leia, abaixo, o desabafo que A. postou na rede social:

B.O pronto para a ser de gênero indiscutível ,que proferiu injúrias e xingamentos de maneira RACISTA contra minha pessoa na tarde de sexta-feira. Eu tenho um sonho de ser julgado por minha personalidade, não pela cor da minha pele. #chegadepreconceito #justica

ailton-alves-racismo-conjunto-maua-sarandipr-comA.A. relatou sobre a ofensa no Facebook. Foto: Divulgação / SarandiPR.com.

Gostou deste artigo? Considere compartilhá-lo com seus amigos e curtir as redes sociais do SarandiPR.com.