Motorista desvia carga de açúcar, vende para empresários e todos vão presos | SarandiPR.com

publicidade - anuncie neste espaço

Motorista desvia carga de açúcar, vende para empresários e todos vão presos

O motorista Jair Neiva, 63 anos, foi preso em flagrante após desviar e vender 37 toneladas de açúcar, em Dois Vizinhos, Sudoeste do Paraná. Os receptadores, dois empresários, também foram detidos durante a Operação Doce Pecado.

As prisões ocorreram no início da semana. De acordo com a Polícia Civil, Neiva comunicou, na Companhia da Polícia Militar de Dois Vizinhos, na noite de segunda-feira (8), que havia sido assaltado.

O motorista alegou ter perdido, durante o roubo, 37 toneladas de açúcar, carga que transportava. As polícias civil e militar iniciaram, em Dois Vizinhos, a Operação Doce Pecado.

Durante as investigações, os policiais descobriram que Neiva desviou a carga e a vendeu na cidade de Ampére, para dois empresários. Testemunhas viram a movimentação e informaram à polícia o local de onde estava a carga.

Na manhã desta terça-feira (9), os dois empresários foram presos em flagrante, sendo autuados por receptação qualificada, por ter adquirido produto roubado. Eles estão presos no setor de carceragem temporária anexa à Delegacia de Realeza.

O motorista da carga, Jair Neiva, foi indiciado pro apropriação indébita qualificada ao próprio ofício e por falsa comunicação de crime.

acucar-carga-ampere

*Com informações da Polícia Civil do Paraná.

Gostou deste artigo? Compartilhe com seus amigos! Curta as redes sociais do SarandiPR.com.

Assine ao newsletter do SarandiPR.com e receba notícias, ofertas e novidades em primeira mão. É grátis.

Os comentários não representam a opinião do SarandiPR.com, mas, sim, de seus autores. Os comentários serão moderados para que, assim, nenhum conteúdo de cunho ofensivo, racista ou preconceituoso seja publicado nesta plataforma. No mais, toda opinião é sempre bem vinda.

Comentários

Cite o SarandiPR.com ao reproduzir conteúdos do site.

WordPress / CC 4.0 - Faça uma doação.