Notícias Paraná Policial

Polícia Civil investiga falsificação de histórico escolar em Maringá, nesta quarta (22)

Uma instituição de ensino de Maringá que atua na modalidade de educação para jovens e adultos está entre as investigadas pela Operação Volta às Aulas, da Polícia Civil do Paraná. Nesta quarta-feira (22), 42 mandados serão cumpridos no Paraná, Rio de Janeiro e Mato Grosso.

Cento e vinte policiais foram escalados para dar cumprimento aos mandados concedidos pela Justiça. As investigações foram conduzidas pelo Nurce (Núcleo de Repressão a Crimes Econômicos).

A fraude consiste no comércio clandestino de diplomas e certificados. Dez cursos são alvos desta fase da operação. Alguns deles não tinham autorização para emitir tais documentos, mas, mesmo assim, cobravam até R$ 1,7 mil de alunos que tivessem interesse.

Foram expedidos 42 mandados, sendo nove de prisão temporária, nove de condução coercitiva e 24 de busca e apreensão para serem cumpridos em 11 cidades de três estados.

Além de Maringá, Curitiba, Pinhais, São José dos Pinhais, Ponta Grossa, Piraí do Sul, Guarapuava e Londrina estão no foco da investigação, no Paraná. No Rio de Janeiro, os mandados serão cumpridos na cidade do Rio de Janeiro e em Nova Iguaçu. No Mato Groso, a investigação ocorre em Cuiabá.

A ação desta quarta-feira é um desdobramento da primeira etapa da operação. Em dezembro 2015, o Nurce já havia prendido seis pessoas e cumpridos 23 mandados de busca e apreensão encontrando uma série de documentos que permitiram a seqüência nas investigações.

*Com informações da Polícia Civil do Parana.