O Paraná não pode assistir quieto suspeitos e policiais se matando em confronto | SarandiPR.com

publicidade - anuncie neste espaço

O Paraná não pode assistir quieto suspeitos e policiais se matando em confronto

Duzentas pessoas foram mortas pelas polícias Militar e Civil do Paraná, em 2014. O número, o mais recente, divulgado no final de 2015, mostra aumento de 12,3% em relação a 2013, quando 178 pessoas perderam a vida nas mãos da polícia paranaense. O SarandiPR.com publicou a reportagem na sexta-feira (27).

O Paraná teve a população estimada em pouco mais 11 milhões de habitantes em 2015, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Dado a proporção, 200 pessoas mortas parece pouco, mas não é.

Em contrapartida, o número de policiais mortos no Paraná teve alta de 380% e passou de cinco, em 2013, para 24, em 2014. Policiais militares fora de serviço foram os que mais morreram: 15 em 2014. Leia mais nesta reportagem do SarandiPR.com. Nas duas situações, os dados são do 9º Anuário Brasileiro de Segurança Pública.

Imagine você, leitor, integrar uma dessas 200 famílias que perderam, por meio da intervenção policial, um ente querido. Imagine, agora, ser você pai, filho, marido ou mulher desse policial, civil ou militar, morto enquanto trabalhava pela população.

Nos dois casos, o dano é irreparável. De um lado, perde a comunidade. Do outro, a corporação. Dos dois, a família. “Mala” ou “porco”, como são tratados, nas suas respectivas gírias, bandidos e policiais, cada um tem valor inestimável em seu círculo de convívio. Não tem preço que pague a vida.

Se a polícia está matando paranaenses estado afora e se os policiais que defendem as ruas do Paraná estão morrendo nas mãos dos criminosos, é sinal de alerta. É chamado para que o Estado, o Governo, olhe com mais atenção para a questão, para as famílias que choram. O confronto e as mortes são inevitáveis, mas podem ser reduzidos.

Gostou deste artigo? Compartilhe com seus amigos! Curta as redes sociais do SarandiPR.com.

Assine ao newsletter do SarandiPR.com e receba notícias, ofertas e novidades em primeira mão. É grátis.

Os comentários não representam a opinião do SarandiPR.com, mas, sim, de seus autores. Os comentários serão moderados para que, assim, nenhum conteúdo de cunho ofensivo, racista ou preconceituoso seja publicado nesta plataforma. No mais, toda opinião é sempre bem vinda.

Comentários

Cite o SarandiPR.com ao reproduzir conteúdos do site.

WordPress / CC 4.0 - Faça uma doação.